top of page
Mulher orando

Mensagens

Viver é a melhor escolha


Há alguns dias estivemos no Espírito Santo, para mais uma Convenção Nacional da Igreja Evangélica Luterana do Brasil. Para irmos de Vitória até Guarapari, pegamos um táxi, já ao anoitecer. Dentre as avenidas lotadas, o gentil taxista nos apresentava alguns pontos da bela Vitória. Quando chegamos na Terceira Ponte, uma majestosa construção que liga a capital capixaba à cidade de Vila Velha, ele nos alertou sobre uma triste realidade. Os altos índices de suicídio naquele lugar. Em 2018, por exemplo, foram 48 tentativas realizadas naquela ponte. Felizmente, 45 destes conseguiram ser resgatados com vida.


De acordo com a OMS, a cada 40 segundos há um suicídio consumado. E, para cada suicídio efetivado, há outras 20 pessoas que tentaram tirar a própria vida. Falar sobre um pensamento suicida é muito complexo. Geralmente, estão envolvidos distúrbios psicológicos, questões genéticas, graves crises depressivas, vícios em drogas, doenças incuráveis e dolorosas, crises emocionais ou financeiras e o luto por alguém muito amado. De acordo com especialistas, o pensamento suicida tem por ideal o acabar com o sofrimento. Cegado pela dor, não se escolhe mais a vida, mas o cessar de sofrer.


Como cristãos, precisamos lembrar a estas pessoas que há um Deus que mergulha no mais profundo sofrimento humano. Um Deus que é “socorro que não falta em tempos de aflição” (Salmo 46). A vida de quem está cegamente embriagada pela dor é importante para Deus. O SENHOR ama você também em suas crises, dores e desesperos. Ele quer levantar seus olhos mergulhados em lágrimas e coloca-los focados em Cristo. Nele há perdão. Recomeços. Novas histórias. Consolo. O verdadeiro sentido da vida. Derrame as dores de seu coração nas mãos do SENHOR. Procure um amigo para conversar. Procure ajuda profissional, especialmente com um bom psicólogo cristão. Com ajuda do SENHOR, as crises serão superadas.


Também precisamos lembrar que precisamos cuidar uns dos outros. Reparem nas pessoas que estão ao seu redor. Quem sabe haja vidas perigosamente cegadas pelas dores e aflições. Sejamos os ouvidos de Jesus para ouvir os desabafos e os choros. Sejamos os braços de Jesus para abraçar quem não vê sentido na vida. Peçamos a Deus sabedoria para saber lidar com sinais e expressões que podem ser, na verdade, um grande pedido de ajuda.


Então fica a dica: “amemos uns aos outros, porque o amor vem de Deus” (1 João 4.7). Deus ama pessoas em crise. E quer cuidar delas, também através do nosso amor e de nossas mãos. Viver é a melhor escolha. Viver debaixo dos cuidados de Deus é melhor ainda.



Pastor Bruno Serves

22 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


bottom of page