Vinho e as leis do universo

Preciso confessar que, nestes últimos dias, me aventurei a fazer vinho, em parceria com uma família experiente neste assunto e que está me ensinando o passo a passo desta arte. O processo é lento e interessante, partindo de boas uvas de uma ótima safra, passando pela forma correta de prensagem das uvas, pelo tempo de fermentação, pela filtragem do mosto e pelo descanso do vinho até uma nova filtragem para que, lá no inverno, possamos saboreá-lo. Este é um processo lento, artesanal, que deixa a natureza agir, com suas leis de física e química, transformando uvas em um bom e saudável vinho artesanal para ser apreciado com moderação nos dias frios de inverno, à beira do fogão à lenha.


Enquanto prensava o mosto, pensava neste tempo que é necessário para formatação de um vinho. Sem falar nos vinhos finos, que levam muito mais tempo, envelhecendo em barris de carvalho. E logo lembrei de alguém que fez um excelente vinho passando por cima de todas as leis da natureza, da física, da química e de qualquer outra lei que possa existir neste universo. Quando, em uma festa de casamento, o vinho da festa havia acabado e começava a surgir um sentimento de constrangimento e preocupação, o primeiro milagre de Jesus aconteceu. Ele transformou água em vinho, instantaneamente. Nada de escolher uvas, prensar, filtrar, esperar o tempo agir. Seis potes enormes, cheios de água, foram transformados imediatamente no melhor vinho da festa, conforme a Palavra nos conta em João capítulo 2.


Quem é este que agiu desta forma? Quem é este que tem as leis da natureza em suas mãos? Sabemos muito bem quem é este Jesus. Ele é verdadeiro homem e verdadeiro Deus. Ele é o Senhor da criação. Tudo está nas suas mãos. E não foi a única vez em que as leis da natureza foram colocadas de lado para que Deus demonstrasse seu poder. Como o Mar Vermelho se abriu ao meio para um povo atravessar? Como uma sarça arde em chamas, mas não queima? Como o sol ficou parado no céu sem avançar conforme as horas iam passando? Como um ser humano foi engolido por um peixe e sobreviveu no fundo do mar? Como alguém poderia curar um cego de nascença? Como alguém poderia caminhar sobre as águas? Como alguém multiplicaria pães e peixes para alimentar uma enorme multidão? Sim, o Senhor Deus é Senhor também sobre as leis que regem nossas vidas.


Mas há um milagre em especial. Quem diria que aquele que fora morto de forma humilhante na cruz sairia vivo do seu túmulo ao terceiro dia? É graças a esta ação amorosa, poderosa e espetacular de Jesus que eu e você temos perdão, vida e salvação. O Deus que tem em suas mãos as leis de todo o universo pagou por nossas culpas e garantiu vida eterna a todo o que nele crer. Este Deus gracioso nos abençoa usando as leis do universo, como a cada novo amanhecer. Mas este Deus poderoso também nos abençoa quebrando estas leis que regem a sua própria criação, nos milagres que já aconteceram e que ainda acontecerão – como a ressurreição dos mortos no último dia.


Então fica a dica: nosso Deus tem todas as leis do universo em suas mãos. Ele age de acordo com elas ou fora delas para nos abençoar e demonstrar que só nele há salvação. Ah, e como vai ficar o vinho que estamos nos aventurando a fazer? Bom, no inverno saberemos e contarei a vocês.




Pastor Bruno Serves

10 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo