top of page
Mulher orando

Mensagens

Universo, obra dos teus dedos


Levante a mão quem nunca mergulhou no fascínio que o complexo universo desperta em nós. Para os apreciadores deste tema, esta semana foi especial. A NASA divulgou imagens capturadas por James Webb, o telescópio de última geração avaliado em cerca de 10 bilhões de dólares e que levou 30 anos para ser construído. Com um currículo destes, esperam-se imagens sensacionais. E foi isto o que aconteceu.


As imagens disponibilizadas pela NASA revelam uma porção profunda do universo com clareza jamais vistas antes. Sem dúvida, é o melhor e mais longe que já vimos. James Webb capturou nebulosas, buracos negros, supernovas, uma infinidade de complexas galáxias e tantas outras maravilhas do espaço.


De acordo com os cientistas, tudo isto está revolucionando a forma de se estudar o universo, sua história e seu desenvolvimento. Que, segundo eles, poderia ter seus 13,8 bilhões de anos, em um movimento de expansão a partir de um determinado ponto inicial.


Sei que o que vou afirmar agora pode até parecer uma estrela solitária. Mas precisa ser dito. Diante das belezas do misterioso universo, reafirmo as palavras de Hebreus 11.3: “pela fé, entendemos que foi o universo formado pela palavra de Deus, de maneira que o visível veio a existir das coisas que não aparecem”.


Creio que todo este universo complexo, belo e fascinante é criação de Deus. E os bilhões de anos? Gosto do argumento do físico cristão Adauto Lourenço, defensor do criacionismo científico. Ele afirma que Deus criou um sistema de vida adulta. Deus não criou um bebê. Deus criou vida humana adulta. E assim, aplicando esta linha de pensamento a toda a criação, chega-se também ao universo, às estrelas, às galáxias. O que aparenta ter levado bilhões de anos, será que também não fora já criado de forma adulta e complexa?


Deixando de lado estes questionamentos profundos, do qual não sou nem hábil a me aprofundar, quero lembrar do Salmo 8, versículo 3: “Quando contemplo os teus céus, obra dos teus dedos, e a lua e as estrelas que estabeleceste, que é o homem para dele te lembres e o filho do homem, que o visites?”.


Dentre gigantescas e infinitas galáxias, estamos nós. No ponto exato do sistema solar para haver vida complexa. Seria apenas casualidade? E aqui vivemos nossos amores, histórias, sorrisos e culpas. Mas, lembrem-se. Deus nos visitou. O Verbo se fez carne e habitou entre nós. Em Jesus, Deus veio resgatar a coroa da criação, o ser humano caído em pecado E Deus continua a visitar nossas vidas mediante a sua poderosa Palavra, que revela Cristo, seu perdão, sua salvação.


Sua vida é importante para Deus, mesmo diante deste universo que o ser humano engatinha em busca de conhecimento. O Criador nos oferece salvação pelo nome de Jesus.


Então fica a dica: “os céus proclamam a glória de Deus, e o firmamento anuncia as obras das suas mãos” (Salmo 19.1). Que fantástico e belo é este universo criado pelo SENHOR Deus!




Pastor Bruno Serves

44 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Kommentarer


bottom of page