Buscar
  • PENSE NISSO Teológica

Sobre a churrasqueira

Não existe churrasqueira sem fogo, as brasas estão ainda quentes nas lembranças do churrasqueiro. É, amigo leitor, a churrasqueira não é apenas um conjunto de tijolos colocados em simetria, claro, às vezes não sai como é desejado, mas a churrasqueira está muito além de apenas um conjunto de tijolos cimentados. A churrasqueira até pode estar ali sem uso no decorrer da semana, alguns até possuem algum tempo para o uso, no entanto a churrasqueira não para, ela é um amontoado de saudade, eu até escrevi um pouco logo no início deste texto. Percebam, leitores, a churrasqueira é uma extensão de coisas boas: um bom bate- papo entre amigos enquanto o assado vai tomando a forma das delícias da cultura gaúcha; uma boa conversa entre família; um diálogo entre pai e filho; os conselhos de alguém mais experiente: uma comemoração e assim por diante. O fogo é a testemunha das tantas cenas feitas pelos homens.


O carvão que queima é como o desenrolar dos sentimentos humanos, eles chegam ao seu máximo de uso, o carvão vira cinzas para dar o tom certo do sabor, o tom da alegria, do contentamento para o paladar do outro. É, o carvão fica acinzentado para dar inúmeras cores para os que estão perto da churrasqueira. As cores da agradabilidade do estar em união, partilhando e vivenciando o que não pode ser feito nos dias úteis. Repito: na churrasqueira não existe silêncio, no entanto um acúmulo risadas, conversas e resquícios de um dia bem vivido. O churrasqueiro conhece o íntimo de uma churrasqueira, claro, ele é quem faz todo o preparo inicial e final, ou seja, ele sabe de cada sentimento que ali está escrito nas cinzas, ele conhece as palavras que ficaram adormecidas na boca da churrasqueira. A fumaça é a prova cabal de que o dia foi proveitoso. Churrasqueira é sinônimo de diálogo, de cor, vida, é uma estrutura construída para dar felicidade. Sua moldura não é fria ou descolorida, por meio dela o homem é presenteado com a moldura do agrado e as cores vibrantes do deleite. O churrasqueiro assa, a churrasqueira aquece os sentimentos. É, não existe churrasqueira fria, ela está sempre aquecida pelas recordações.


Jesus aqueceu, perdoou, entregou, isto é, tudo Jesus fez sem exigir trocas. O que ele apenas pediu foi um coração arrependido. Jesus não está em nossas recordações, mas está em nossas vidas e isso é motivo de grande alegria para nós, pecadores. Jesus retirou o ser humano da frieza do pecado para aquecer o mesmo no perdão, salvação e vida eterna. O Filho de Deus é pleno e o seu amor não termina. E tudo é para nós, eis o nosso Salvador, a verdadeira fonte de alegria.




Pastor Artur Charczuk

16 visualizações
 

Receba Mensagens Cristãs Diariamente no Whatsapp. Adicione e peça (53) 99901-4822

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter

© 2020 by pensenissoteologica.com. Todos os direitos reservados