Buscar
  • PENSE NISSO Teológica

O labirinto de Creta

Atualizado: 5 de Set de 2019

Conta à lenda grega que o labirinto de Creta foi construído pelo arquiteto Dédalo. A construção ocorreu por meio do pedido do rei Minos. Pois o rei queria prender o chamado Minotauro, o mesmo tinha o corpo humano e a cabeça de um touro, e para lá o mesmo foi enviado. Em certa altura, Teseu, filho do deus Zeus, entrou no labirinto e matou o enfurecido Minotauro e, ao mesmo tempo, venceu o complexo labirinto de Creta. Sendo assim, Minos ficou um tanto preocupado, ele tinha receio que Dédalo contasse os segredos do complexo labirinto. Rei Minos mandou prender Dédalo e seu filho, o jovem Ícaro. Ambos foram presos no labirinto para nunca mais saírem.


Mas o labirinto não tinha teto, assim Dédalo usou seu conhecimento, o céu foi a saída de ambos. Com algumas penas deixadas por pássaros, pai e filho construíram asas artificiais e conseguiram sair do labirinto. Ícaro, em sua ânsia pelas novidades, voou em altura demasiada, chegando próximo do Sol. O calor o fez despencar para morte, caindo no mar. É, quem nunca sentiu a vida como uma espécie de labirinto?


Um labirinto não havendo saída, apenas havendo caminhos e mais caminhos que levam para a escuridão dos problemas e angústias. Os tantos problemas, Minotauros, em várias formas: tristeza, depressão, dificuldades no emprego, família, estudos, enfim, a vida em forma do labirinto de Creta, onde em cada caminho há um Minotauro. Mas é válido olharmos para Mateus 11. 28: “Venham a mim todos vocês que estão cansados e sobrecarregados, e eu os aliviarei.” Aqui, queridos leitores, está o término das preocupações e medos, Jesus Cristo. Os tantos labirintos estão aí porque o pecado está em nós, o pecado que está no mundo. É a tendência do ser humano querer solucionar os problemas sozinhos, por isso que os tantos Minotauros, problemas, vêm com grande força contra o homem. Aí, o homem tenta escapar, mas despenca para morte como Ícaro. Ficando por entre os espinhos do mundo.


Mas Jesus está junto, sempre disposto a caminhar conosco. A nos perdoar, salvar e conceder vida eterna para o ser humano. Jesus é o caminho, nele não existem labirintos, mas apenas o caminho que leva para o Pai, para o Deus revelado em Cristo Jesus. Não olhe para os seus problemas, amigo leitor, olhe para Jesus, porque nele está o alívio que tanto precisamos. Nosso suficiente Salvador. Único Deus, vivo e verdadeiro, sua ação é contínua na existência humana. Promessa de amor e cuidado, isso Jesus tem para todos nós. A cruz jorra o amor de Jesus, amor pelo pecador, amor que está sempre disposto a carregar nossas vidas para dar o alívio necessário, sim, Jesus Cristo, o Filho de Deus.


Rev. Artur Charczuk

73 visualizações
 

Receba Mensagens Cristãs Diariamente no Whatsapp. Adicione e peça (53) 99901-4822

© 2020 by pensenissoteologica.com. Todos os direitos reservados