Buscar
  • PENSE NISSO Teológica

Mais do Mesmo

Falar mais do mesmo carrega consigo a possibilidade de se erguer uma barreira comunicativa entre emissor e receptor. Afinal, vivemos em uma sociedade pós moderna sedenta de novidades e em uma cultura de verdades líquidas, verdades que até ontem eram fundamentais e, a partir de hoje, já não importam mais.


E neste ritmo, os holofotes vorazes do pós-modernismo anseiam por novidades, devorando-as uma a uma, criando uma sociedade embebida em uma constante ansiedade para que se tire, a cada novo dia, um coelho da cartola. E, quando isto não acontece, corremos o riso de se viver à margem sombria da sociedade, carregando uma mensagem que é mais do mesmo, quase irrelevante para aqueles que são sedentos por novidades.


Você já parou para pensar que o ensino da Palavra de Deus é mais do mesmo? Nossos avós, bisavós e toda nossa árvore genealógica ouviram a mesma mensagem que nós. O conteúdo é o mesmo. As doutrinas são as mesmas. É mais do mesmo. O formato e a forma de se anunciar a mensagem cristã pode e até precisa mudar, com criatividade e tecnologia. Afinal, quando nossos bisavôs imaginariam que um dia poderiam assistir o culto cristão dentro de casa, na palma de sua mão?


Ao longo da história, este conteúdo foi ameaçado por novidades venenosas, diluídas perigosamente no conteúdo central da fé cristã. Mas, com a bênção de Deus, movimentos como a Reforma Luterana garantiram que a mensagem cristã continuasse sendo mais do mesmo. O apóstolo Paulo deu esta severa orientação aos gálatas e também a todos nós: “Se alguém, mesmo que sejamos nós ou um anjo do céu, anunciar a vocês um evangelho diferente daquele que temos anunciado, que seja amaldiçoado!” (Gálatas 1.8).


Falar mais do mesmo conteúdo bíblico pode até ser um ruído aos ouvidos de uma sociedade pós moderna. Mas para nós, cristãos, ouvir falar mais do mesmo é necessário e confortador. Precisamos ouvir falar mais do Mesmo – sim, com M maiúsculo, referência a Jesus, aquele que por nós foi sacrificado na cruz e ressuscitado ao terceiro dia. Dele depende nosso perdão, nossa salvação, nossa vida eterna.


Não espere que um pastor irá lhe consolar no leito da enfermidade com ensinos novos e diferentes. Não espere ouvir, em um aconselhamento, o seu cura d´almas orientar sua vida com novidades. Não vá ao culto de sua Congregação esperando um show mirabolante que lhe fará viajar pelas novidades de um mundo pós moderno. Não ache que seu pastor irá lhe aliviar das culpas com um discurso repleto de novidades.


O seu pastor irá lhe consolar com mais do Mesmo. O seu pastor irá lhe aconselhar com mais do Mesmo. O seu pastor irá lhe ensinar com mais do Mesmo. O seu pastor irá perdoar os seus pecados e aliviar sua culpa com mais do Mesmo. Sempre mais do Mesmo Salvador Jesus. Exatamente como este humilde e simples texto que fala, de diferentes formas, mais do Mesmo.


Então fica a dica: em uma sociedade senda por novidades, louvado seja Deus por pertencermos a uma igreja cristã que sempre prega mais do Mesmo. Lembre-se: “Jesus Cristo é o MESMO ontem, hoje e sempre” (Hebreus 13.8).




Rev. Bruno Serves

17 visualizações
 

Receba Mensagens Cristãs Diariamente no Whatsapp. Adicione e peça (53) 99901-4822

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter

© 2020 by pensenissoteologica.com. Todos os direitos reservados