top of page

Biscoito ou bolacha?


Existe uma "guerra" muito divertida entre as pessoas no Brasil por causa do nome de um alimento. Em alguns estados brasileiros as pessoas falam que é bolacha, em outros chamam de biscoito.


Nessa "guerra" o consenso nunca acontece por que em cada estado as pessoas foram acostumadas a chamar de um jeito.


No mundo religioso também acontece algo parecido. São muitos deuses oferecidos que prometem uma vida boa aos que querem segui-los. E essa "guerra" é bem mais séria que a da bolacha e biscoito.


A Bíblia diz: "Se você confessar com a sua boca que Jesus é Senhor e crer em seu coração que Deus o ressuscitou dentre os mortos, será salvo" (Romanos 10.9).


É necessário tomar muito cuidado para não sermos enganados e levados para longe de Cristo, aonde não há perdão e salvação.


Numa época em que se diz que o importante é ter fé e fazer o bem, as vezes somos levados pelo movimento do politicamente correto a achar que não tem problema buscar a salvação em qualquer religião. A desculpa é sempre a mesma: "Todos os caminhos levam a Deus, e Deus é um só".


É aí que mora o perigo. Nem dentro do cristianismo tem-se o mesmo Deus sendo anunciado. Existem muitas denominações que tem a cara de cristãs e denominam-se evangélicas, mas seus ensinamentos não levam à salvação, pois não pregam Jesus como o único caminho, a verdade e a vida.


São "cristãos" ou "evangélicos" entre aspas, que ensinam a salvação por boas obras e não pela fé em Jesus. Que roubam o dinheiro das pessoas com "milagres" e promessas de bênçãos aqui na terra. Que ficam enganando as pessoas dizendo que falam em línguas, soltando uns "xarabantiás outuranircas", que não tem sentido nenhum.


Jesus Cristo é nosso único Salvador, foi Ele que morreu na cruz por nós. A fé Nele vem pela ação do Espírito Santo em nós quando temos contato com a sua Palavra, a Bíblia!


Sobre a "guerra" entre bolacha e biscoito, tanto faz como chamamos. O gosto não vai mudar por causa do nome que damos a esse alimento. No que diz respeito a nossa fé não existe tanto faz. Ou cremos em Jesus Cristo como único salvador e vamos ao Céu, ou seremos condenados. O "gosto" é bem diferente.


Ainda sobre bolacha ou biscoito, fica a dica: O certo é biscoito, basta ler o que está escrito na embalagem.




Pastor Claudio Schreiber

18 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page