Receba Mensagens Cristãs Diariamente no Whatsapp. Adicione e peça (53) 99901-4822

© 2020 by pensenissoteologica.com. Todos os direitos reservados

 
Buscar
  • PENSE NISSO Teológica

Uma palavra para os que sofrem de síndrome de Marta


Você está aqui de corpo e mente? Essa história foi narrada tão somente por Lucas. Sabe-se um pouco mais dessa família em João (Jo 11).

Apesar de serem irmãs, Lucas nos apresenta duas mulheres de personalidade diferente. Marta quer servir com coisas materiais. Maria também lhe serve tempo de ouvir. Uma está apegada ao terreno e a outra ao espiritual.

Marta está voltada para ação, sempre atarefada. Maria concentrada no íntimo. Enquanto Jesus não voltar, na igreja haverá muitas Marias e muitas Martas.

Jesus está numa caminhada que teve seu início em Lc 9.51. E por um momento recolhe-se numa aldeia chamada Betânia (Jo 11.2ss). Faltavam 4 meses para a realização da obra de Jesus na cruz e ainda haveria outro encontro de Jesus e essa família (Jo 11).

Estando Jesus na casa dos irmãos Lázaro, Marta e Maria, eis que algo aconteceu. Maria prestava atenção nos ensinos de Jesus, Marta, atarefada não prestava atenção nas palavras de Jesus, mas gostaria de poder prestar atenção.

Se no episódio anterior (Lc 10.25-37) Jesus destacou o verdadeiro entendimento da lei e que por mais que se esforce a lei não salva, aqui (Lc 10.38-42) uma das irmãs está ocupada com a lei da hospitalidade (Lv 19.33-34) e impedida de ouvir a Palavra de Deus da boca do próprio Jesus.

A lei visa indicar nosso pecado e nos conduzir a real necessidade de Jesus, mas, assim como no episódio do escriba, bem como no episódio de Marta e Maria, vê-se o quanto a possível pratica da lei, afasta pessoas de Cristo. Destaco as palavras de Paulo na carta aos Colossenses (Cl 2.16-17).

Dessa forma ao repreender Marta dizendo: “Marta, Marta...”, Jesus está sendo amoroso e a chama de volta ao seu amor. As repetições dos nomes são muito frequentes nas Escrituras e expressam um amor intenso.

Nesse sentido, Jesus exalta Maria, dizendo que a melhor parte, ouvir Jesus e não se distrair pela observância da lei é a melhor parte e Maria já a tem.

Lucas ressalta que Marta estava agitava (Lc 10.40). Marta estava distraída pelo servir (lei da hospitalidade), mas desejosa em ouvir Jesus (Lc 10.41).

Jesus não repreende Marta por seu serviço ou sua hospitalidade (Rm 12.13), mas sua distração mental. E Marta ao dizer para Jesus (Lc 10.40) que ele havia permitido deixa-la servir sozinha, estava sendo conivente com o não cumprimento da lei de Maria. E a isso, Jesus responde (Lc 10.42).

Você é uma pessoa que se distrai facilmente?

Você, quando está num lugar, em especial na igreja, está de corpo e mente?

Vivemos numa sociedade agitada, onde as pessoas não tem tempo para ouvir ou prestar atenção. Em outro sentido, essa sociedade agitada imersa na pós-modernidade, não se atém mais aos fatos reais e inquestionáveis da verdade. Não há mais referências e nem sequer autoridade absoluta.

O mundo vive uma verdadeira Síndrome de Marta, ou seja, constantemente distraídos sem saber o que fazer e para onde seguir. Por esse motivo, é preciso ouvir o convite amoroso de Jesus: “Fulano, Fulano ...”; “Ciclano, ciclano...”.

Deixe de viver distraído por coisas que não te levarão a nada, principalmente por situações em que acha estar cumprindo a lei, mas, que o está afastando de Jesus.

Paulo, o apostolo enfrentou o problema da distração em Corinto (1Co 7.35). Onde num contexto de casamento, o apostolo destaca o cuidado, pois a ansiedade pode puxar para uma direção diferente. Pode ser que o casamento até esteja interferindo na sua disposição à Jesus!

Para esse mundo, o relato de Lucas 10.38-42, tem muito a nos ensinar. Vamos aprender!?

1 – Lc 10.39 – assentar-se aos pés de Jesus

Postura de discípulo. Aprendizado.

Para um mundo cercado de conhecimento, sentar-se ao pés de Jesus, e querer aprender não faz muito sentido.

No entanto, esse mundo cercado e influenciado pelas redes sociais, guiado pela inteligência artificial, vez ou outra está confuso em meio as fake News.

Sente-se aos pés de Jesus!

Pare com essa agitação onde não se descansa mais.

Todos nós temos uma agenda e nesse agenda consta um tempo para descanso. Mas, o que é descansar? Descansar é concentrar-se em outra coisa e não na agenda semanal. Conseguimos desligar de fato de verdade? Dificilmente!

Nesse sentido é que Jesus repreende Marta, ou seja, concentre-se! Ou você se ocupa de fato e de verdade em cumprir a lei da hospitalidade ou ouve a mim. E assim ressalta a postura de Maria, que sem deixar-se distrair ouve Jesus.

É preciso voltar a pergunta do escriba: “o que devo fazer para ser salvo?” (Lc 10.25).

A resposta que Lucas, o médico pesquisador nos dá, fundamenta-se em dois relatos que são únicos de Lucas. Para ser salvo é preciso ver e perceber que a lei nos fere e que o Bom samaritano Jesus nos socorre, quando que a lei não pode e não faz mais nada. E num segundo momento, Lucas mostra que enquanto a lei nos distrai, ou melhor, tira nosso olhar e ouvido de Cristo, é preciso sentar-se e ouvir Jesus.

Uma segunda e importante lição desse texto é justamente o equilíbrio entre ser Marta e ser Maria.

2 – Servir e adorar – adorar e servir!

Maria havia ajudado Marta na cozinha, mas soube o momento de sentar-se. Marta, era uma excelente servidora, mas, não soube sentar-se. Queria, mas achava que não devia, pois precisava ser hospitaleira.

Presa na lei, fez a opção errada. Liberta da lei, Maria escolheu a melhor parte. Ouvir e ser consolada!

Saiba querido irmão e irmã em Jesus. Você precisa agir, mas, precisa saber quando sentar-se para ouvir.

Esse mundo que vive na síndrome de Marta - sempre distraído com outras coisas, Jesus convida com palavras de amor, carinho e misericórdia e garante algo: “escolher a melhor parte, não se deixar distrair de Jesus (a boa parte), isso não lhe será tirado” (Lc 10.42).

Deus nos abençoe. Amém!


Rev. Edson Ronaldo Tressmann

16 visualizações