Missão


O militar sempre tem em vista o cumprimento da missão. Para bem desempenhá-la, prepara-se com antecedência, mantém-se focado no desenrolar da mesma e permanece comprometido até terminá-la. No entanto, existem algumas missões que são um desafio à parte. Em especial, a de ser pai.


Como preparar-se adequadamente? Ser responsável por uma vida, ser a referência masculina para aquele “serzinho”, oferecer amor e apoio confiáveis são demandas capazes de deixar qualquer homem sem nem saber por onde começar. Além disso, há muitos percalços no transcorrer desta missão: doenças, dívidas, dúvidas, desentendimentos. Há erros também, que precisam e podem ser corrigidos, pois um filho não precisa de um pai perfeito, mas de um íntegro, que procure fazer o seu melhor e que saiba admitir erros e pedir perdão.


Sobretudo, o maior desafio da missão de ser pai talvez seja o fato dela não ter fim. Enquanto estiver vivo, ainda que idoso, ele vai querer estar presente na vida do filho, torcendo e orando pelo melhor. Mesmo depois que partir, continuarão vivos os seus ensinamentos, palavras e afeto nos corações daqueles a quem gerou.


Guerreiro, a missão de ser pai é exigente, mas recompensadora. Coragem, não desista, seu filho precisa de você! E você, papai, precisa de Deus, o Pai, para lhe dar força e orientação nesta missão: "Ensine a criança no caminho em que deve andar, e ainda quando for velho não se desviará dele." (Provérbios 22.6)


FELIZ DIA DOS PAIS!


" O justo anda na sua integridade; felizes são os seus filhos depois dele." (Provérbios 20.7)




PR. Rev. Paulo Albrecht

14 visualizações0 comentário