Buscar
  • PENSE NISSO Teológica

A Santa Absolvição - Parte V: "Permanecendo na Palavra"

Então Jesus disse aos judeus que haviam crido nele: Se vocês permanecerem na minha Palavra, são verdadeiramente meus discípulos, conhecerão a Verdade, e a Verdade os libertará. Eles responderam: Somos descendência de Abraão e jamais fomos escravos de ninguém. Como você pode dizer que seremos livres? Jesus respondeu: Em verdade, em verdade lhes digo que todo o que comete pecado é escravo do pecado" (São João 8. 31-34).


Jesus deixa claro qual é a situação do ser humano: ele comete pecados pelo fato de ser um escravo do pecado. No entanto, as Escrituras também nos ensinam que ao sermos unidos com Cristo no Santo Batismo, somos libertos da escravidão do pecado. Afinal, "todos vocês que foram batizados em Cristo de Cristo se revestiram" (Gálatas 3.27). Complementando isso, o Apóstolo Paulo também afirma: "Para a liberdade foi que Cristo nos libertou. Por isso, permaneçam firmes e não se submetam, de novo, a jugo de escravidão" (Gálatas 5.1).


Como permanecemos livres? Permanecendo na Palavra do SENHOR! E o que eu preciso fazer, na prática, para permanecer dessa forma? Isto Jesus também resolveu para nós! Ele concedeu o estudo e a pregação de sua Palavra, a Santa Absolvição que transmite essa Palavra poderosa, e a Santa Ceia que nos faz receber essa Palavra por meio do seu Corpo e Sangue.


De uma forma específica, tratando da Santa Absolvição, quando você ouve um Ministro de Cristo lhe dizendo: "Seu pecado está perdoado", você pode se alegrar, pois você "não é mais escravo", está permanecendo na Palavra do SENHOR, e a Verdade - Cristo - te liberta! Afinal, as Palavras de Deus não são simples informações, mas são "Espírito e são Vida" (São João 6.63).


Pelo fato de continuarmos pecadores, por causa de nossa natureza, precisamos sempre estar retornando ao Santo Batismo e permanecendo na Palavra do SENHOR. E isto somente é possível por ação do próprio Deus. Portanto, confessamos junto com o Apóstolo Paulo: "Eu sei que em mim, isto é, na minha carne, não habita bem nenhum, pois o querer o bem está em mim, mas não o realiza-lo. Porque não faço o bem que quero, mas o mal que não quero, esse faço" (Romanos 7. 18-19). O SENHOR, por outro lado, como um médico, não apenas nos dá conselhos para uma saúde melhor, mas nos concede o remédio que cura: "Enviou-lhes a sua Palavra, e os sarou" (Salmo 107.20).


São as Chaves de Jesus - a Santa Absolvição, a Palavra de Perdão de nosso Deus que liberta da escravidão do pecado. Desse modo, aproveite e desfrute deste Dom maravilhoso de nosso SENHOR: ouça e medite nas Escrituras, confesse os seus pecados e receba a Absolvição - seja de forma particular ou no Culto Divino com toda a Igreja, participe da Ceia do Senhor. E lembre-se: mesmo que você não sinta nada ao receber o Perdão, tenha certeza da promessa de Jesus: "O que desligarem na terra terá sido desligado no Céu" (São Mateus 18.18).



Rev. Helvécio J. Batista Júnior

16 visualizações
 

Receba Mensagens Cristãs Diariamente no Whatsapp. Adicione e peça (53) 99901-4822

  • Facebook
  • Instagram
  • Twitter

© 2020 by pensenissoteologica.com. Todos os direitos reservados